Is this site a blessing to you?



Resultados

Outlines of Messages

Alcançando as crianças pós-modernistas

(1a. Crónicas 12.32)

1.  O que é diferente sobre o tempo em que as nossas crianças vivem?

A geração pós-moderna assume que “cada ponto de vista é uma visão de um ponto.”  Em alguns casos, isto é verdade.  Nós frequentemente tendemos a ver as coisas somente da nossa perspectiva.  A geração pós-moderna tem um cepticismo saudável com relação à racionalidade analítica do modernismo e pretensões anteriores de conhecimento e certeza.

2.  Três modelos de pensamento:

2.1  Teocentrismo
2.2 Modernismo
2.3  Pós-modernismo 

Continuar... Alcançando as crianças pós-modernistas

   

Aos pés do Senhor Jesus

1.    PERDÃO DOS PECADOS – Lucas 7.38

Embora o fariseu tivesse convidado o Senhor Jesus para sua casa, ele nunca se sentou aos Seus pés.  Ele queria sentar-se com Ele à mesa.  A mulher não tinha convidado o Senhor Jesus para sua casa (talvez nem tivesse uma), mas ela estava ciente do seu maior problema: pecado.  Ela sabia que precisava do perdão dos pecados. Ela tinha trazido seus pecados aos pés do Senhor Jesus.
O SENHOR JESUS É DEUS QUE PERDOA O PECADO!

2.    ENSINO CERTO – Lucas 10:39
Maria sabia que ela tinha que aprender.  Foi Marta que convidou o Senhor Jesus para sua casa em Betânia, mas foi Maria quem se sentou aos pés do Senhor Jesus.  Aprender requer concentração. É verdade que não foi Maria que convidou o Senhor Jesus, mas ela escolheu um lugar, que foi o melhor para ela – aos pés de Jesus!  Foi a “melhor parte” (Lucas  10.42).
O SENHOR JESUS É DEUS QUE É A VERDADE, QUE NOS CONHECE E NOS AMA!

Continuar... Aos pés do Senhor Jesus

   

Benção de gratidão

1. Gratidão é uma expressão de vida espiritual Lucas  17. 11-18
Onde estão os nove?
2. Gratidão traz glória a Deus Actos 3. 7-11
Nós encorajamos outros ao sermos agradecidos.

Continuar... Benção de gratidão

   

Convite do Apóstolo Paulo

De forma a encorajar-nos a viver uma vida santa, o apóstolo Paulo (com base em Efésios 5) convida-nos aos seguintes lugares:

1.  Ao Templo (Efésios 5.1-7)

No templo, o apóstolo nos recorda-nos o sacrifício que o Senhor Jesus fez por nós.  O pecado é feio e um mau cheiro às narinas de Deus (Isa. 3.24).
Se nós andarmos em amor, as nossas vidas serão sacrifícios vivos (Rom.12.1-2; Fil. 2.17), fragância ao Senhor (João 12, 1-8).

2. Ao Campo (Ef. 5. 8-14)

Então o apóstolo Paulo vai ao campo para nos mostrar frutos e recorda-nos que andar na luz produz fruto espiritual (Gal. 5.22-23).
Se nós andamos na luz, não podemos ter comunhão com as trevas (2 Cor. 6.14-18).

Continuar... Convite do Apóstolo Paulo

   

Deus na vida de Abraão

Génesis 12.8

Edificando altares 

Quando nós olhamos para a vida de Abraão nós notamos a sua íntima comunhão com Deus.  Abraão estava edificando altares e estava invocando o Nome do Senhor. De facto, as únicas coisas de que somos informados acerca de ele edificar, são altares.  Nós não lemos que ele estivesse edificado palácios, por exemplo.  No fim da sua vida, ele também tinha edificado um túmulo para Sara. Mas onde quer que ele fosse, ele edificava um altar, e relacionava cada acontecimento de sua vida com Deus.  Depois dos altares edificados por Abraão, nós podemos fazer um esboço da sua biografia.
Abraão adorava a Deus. Era a sua ocupação mais importante.  Por exemplo, ele adorou-O quando:

-  voltou do Egito (Génesis 13.2-4);

-  viu o tamanho da Terra Prometida (Génesis 13. 14-18)

-  O Senhor lhe foi revelado e lhe mudou o nome de Abrão para Abraão (Génesis 17.3-5)

-  fez um pacto com Abimeleque em Berseba (Génesis 21.33).

Edificar altares não era uma tarefa fácil.  A pessoa precisava de pedras e argamassa.  Mas o momento mais difícil ao edificar um altar aconteceu no Monte Moriá.  Edificar este altar talvez não tenha quebrado a sua coluna vertebral mas o seu coração.  Ele sabia que este altar que estava a edificar era para o seu próprio filho. Aos olhos de Deus  Abraão tinha oferecido seu filho.  O cordeiro não apareceu lá por acaso.  Deus tinha providenciado o Cordeiro.

Continuar... Deus na vida de Abraão

   

Pág. 1 de 13

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

James N. Spurgeon escreveu:

Um trabalho à sua escolha; há um ministério na chamada de Cristo. Num trabalho que espera receber; num ministério que espera dar. Num emprego você dá alguma coisa para conseguir outra; num ministério você devolve algo que já lhe tinha sido dado a. Um emprego depende de tuas habilidades; um ministério depende da tua disponibilidade para Deus. Um trabalho bem feito te traz louvor; um ministério bem feito traz honra a Cristo.  

Este ministério existe para trazer honra ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!

Você pode copiar e usar o material deste site desde que mencione o nosso ministério ao Pai e que não altere o seu conteúdo. Você também está convidado a contar aos que o escutam ou lêem, onde conseguiu este material: www.proword.eu, que é Proclamando a Palavra! (Ministério Internacional de Ensino Bíblico da APEC)